Search
  • Layup
  • Informação de bandeja sobre a NBA
Search Menu

Thunder precisa de prorrogação para empatar série contra Mavericks

Russell Westbrook (Thunder) encara a marcação do calouro Dennis Smith Jr. (Imagem: Glenn James/Getty Images)

Russell Westbrook (Thunder) encara a marcação do calouro Dennis Smith Jr. (Imagem: Glenn James/Getty Images)

Apesar de o Dallas Mavericks estar fazendo a sua pior temporada desde 1997-98 e seu proprietário, Mark Cuban, ter admitido publicamente que a melhor alternativa da franquia é perder, o Oklahoma City Thunder já havia sido derrotado duas vezes pelo time texano em 2017-18.

Mas no quarto e último confronto entre Mavs e Thunder nesta temporada o time comandado por Billy Donovan conseguiu arrancar a vitória, empatando a série.

28/02/2018 • Oklahoma City Thunder (36-27) 111 x 110 Dallas Mavericks (19-43) • Box Score
 American Airlines Center • Dallas, TX Q1 Q2 Q3 Q4 Pro TOT
 Oklahoma City Thunder  32  22  23  23  11  111
 Dallas Mavericks  21  22  33  24  10  110




Mesmo problema de sempre

O mesmo problema que vem tornando a vida do Oklahoma City Thunder muito mais difícil do que deveria ser desde o início da temporada deu o ar de sua graça novamente em Dallas. Enquanto o adversário realizou 355 passes ao longo da partida, o Thunder passou a bola somente 231 vezes.

O resultado foi o uso excessivo do um contra um, que se mostrou pouco eficiente diante do mau aproveitamento nos arremessos de quadra de seus principais jogadores.

Steven Adams foi a exceção, com 100% de aproveitamento. Mas por ser incapaz de criar o seu próprio arremesso e depender de assistências para finalizar, realizou somente quatro arremessos.

Trevor Booker rescinde contrato com Sixers e acerta com Pacers
Dwyane Wade “volta no tempo” e dá a vitória ao Heat sobre Sixers
Pistons tem campanha negativa desde a contratação de Blake Griffin

Rebotes e Westbrook salvaram Thunder

Se não fosse a performance nos rebotes, principalmente por parte de Adams, é muito provável que o Thunder tivesse amargado mais uma derrota para o Mavericks.

Sozinho o neozelandês pegou nove rebotes ofensivos, um a mais do que todo o time adversário. O visitante marcou 25 pontos em segundas chances contra somente dez do Mavericks.

E apesar de já estarmos na reta final da fase regular, o Thunder segue extremamente dependente de Russell Westbrook, como foi ao longo da temporada anterior, quando não contava com Paul George (23 pts)  e nem Carmelo Anthony (12 pts).

O armador foi o cestinha da partida com 30 pontos, 11 rebotes e sete assistências, além de ter resolvido sozinho a partida no final da prorrogação.

Nowitzki chegou aos 31 mil pontos

Todos os titulares do Dallas Mavericks pontuaram em dígitos duplos, com destaque para Harrison Barnes (26 pts), Dwight Powell (21 pts) e o calouro Dennis Smith Jr. (17 pts).

Mas os holofotes se voltaram para Dirk Nowitzki (12 pts), que ultrapassou a barreira dos 31 mil pontos, tornando-se somente o sexto jogador na história da NBA a chegar a este patamar de pontuação.

Próximos compromissos

  • Thunder: Phoenix Suns, fora (02/03 • sexta-feira)
  • Mavericks: Chicago Bulls, fora (02/03 • sexta-feira)

Matérias relacionadas

Oklahoma City Thunder: os devidos méritos de Billy... O técnico Billy Donovan e Paul George, principal estrela do Thunder nesta temporada (Michael Reaves/Getty Images) Atual treinador do Oklahoma City...
DeRozan e Doncic duelam em vitória sofrida do Spur... DeMar DeRozan e Luka Doncic foram os cestinhas de suas equipes (Eric Gay/AP) O San Antonio Spurs precisou de uma prorrogação e de uma ótima perfor...
Lakers vence Thunder em Oklahoma City com boa atua... Josh Hart anotou um duplo-duplo para o Lakers (Imagem: Layne Murdoch/Getty Images) O Oklahoma City Thunder precisava de uma vitória para se recupe...
Ibaka converte game winner e Magic vence Thunder e... Westbrook e Ibaka brigaram até o último segundo pela vitória (imagem: Sarah Phipps, The Oklahoman) Serge Ibaka foi o algoz do Oklahoma City Thunder ...