Search
  • Layup
  • Informação de bandeja sobre a NBA
Search Menu

Raptors e as mudanças na segunda unidade visando os Playoffs

Marc Gasol e Jeremy Lin, dois dos reforços para a 2ª unidade do Toronto Raptors (Vaughn Ridley/Getty Images)
Marc Gasol e Jeremy Lin, dois dos reforços para a 2ª unidade do Toronto Raptors (Vaughn Ridley/Getty Images)

Desde o início da temporada, muito se discute sobre a troca entre o Toronto Raptors e o San Antonio Spurs envolvendo os All-Stars Kawhi Leonard e DeMar DeRozan. É verdade que não havia como ser diferente, tendo em vista que negociações deste tamanho são difíceis de acontecer e quando ocorrem causam um enorme impacto aos envolvidos. O debate voltou à tona na última sexta-feira, onde as franquias se enfrentaram no Scotiabank Arena, e os Raptors levaram a melhor por 120 a 117.

Se na última off-season o Toronto Raptors resolveu apostar em outra estrela para comandar a equipe, neste meio de temporada promoveu mudanças em busca de maior profundidade ao seu elenco, mirando os duros embates que terão pela frente nos playoffs. É importante ressaltar que a segunda unidade do time, que contava com Jonas Valanciunas, Delon Wright e C.J. Miles já era qualificada e entrosada, mas o general manager Masai Ujiri e a diretoria mantiveram uma abordagem agressiva mesmo assim.

A postura “nada é tão bom que não possa ser melhorado” tem um motivo direto e outro indireto. O primeiro é de fato trazer mais nomes de peso para tentar o título já nesta temporada e o segundo é um aviso ao Kawhi Leonard, na tentativa de demonstrar o quanto a diretoria se esforça para oferecer a ele um time qualificado, com condições de títulos e de que para ele vale a pena renovar seu contrato na próxima temporada e ficar no Canadá.

Marc Gasol, a principal aquisição do Raptors no meio da temporada

Neste ano o Raptors finalmente havia encontrado um encaixe mais adequado a Jonas Valanciunas, que iniciava a partida no banco de reservas. E é exatamente em seu lugar que entrará Marc Gasol (ao menos é o que está acontecendo no primeiro momento). O técnico Nick Nurse acredita que o quinteto titular composto por Kyle Lowry, Danny Green, Kawhi Leonard, Pascal Siakam e Serge Ibaka está funcionando suficientemente bem e aparentemente bancará o pivô como o líder da segunda unidade.

Gasol ainda não fez uma partida espetacular em seu novo time, mas notoriamente traz uma presença defensiva importante na proteção do garrafão, além de ajudar a manter o time espaçado no setor ofensivo, já que é um bom chutador de longa distância, além de ter a capacidade de encontrar companheiros livres com bons passes. O espanhol já chegou se portando como um líder e um jogador muito vocal (assim como era em Memphis), mesmo em uma nova situação em sua carreira.

Além da troca com o Memphis Grizzlies, Toronto buscou outros jogadores que estavam sem contrato. Primeiro, adquiriu Patrick McCaw (ex-Golden State Warriors), que tem surpreendentes 11 minutos em quadra por partida. A outra aquisição foi Jeremy Lin, dispensado pelo Atlanta Hawks. O armador ganhou imediatamente um espaço considerável na rotação e em suas primeiras partidas, atuando em média 21 minutos por jogo, muitos deles ao lado de Lowry. Chama atenção como Lin tem tido liberdade para atacar a cesta e ele não tem hesitado nesta função. De todo modo, esse volume deve cair com a volta de Fred VanVleet.

A pressão em Toronto é imediata por bons resultados

Se por um lado o Raptors adquiriu talentos com um teto maior de produção, por outro lutam contra o tempo em busca do encaixe ideal, já que a temporada regular está prestes a acabar. Tudo isso sem perder de vista a briga pela liderança do Leste, que seria fundamental para os planos da equipe, considerando o potencial do reforçado Milwaukee Bucks.

O funcionamento da equipe, em especial o da unidade reserva (a que sofreu mais modificações) precisará se mostrar afinada o mais rápido possível para a equipe obter sucesso, ao menos em sua conferência. A princípio, se analisarmos as atuações pós All-Star Game, a impressão é de que isso ocorrerá. Por outro lado, esse cenário aumenta ainda mais a pressão para Nurse e seus comandados.

Matérias relacionadas

LeBron James domina Raptors e deixa Cavs perto das... LeBron James arremessa marcado por DeMar DeRozan (Imagem: Frank Gunn/The Canadian Press via AP) Era fundamental para o Toronto Raptors sair de qua...
Luka Doncic anota triplo-duplo inédito na história... Luka Doncic executa um dos seus 24 arremessos de quadra contra o Toronto Raptors(Jerome Miron/USA Today Sports) O Dallas Mavericks brigou de igua...
Raptors massacra Hawks, que despenca na tabela do ... Kyle Lowry foi um dos destaques da vitória do Raptors com 17 pontos, 8 rebotes e 8 assistências (imagem: Vaughn Ridley / Getty Images) O Atlanta Haw...
Raptors segura Kyle Lowry e Serge Ibaka, mas perde... Kyle Lowry (esq) e Serge Ibaka tiveram seus contratos renovados pelo Toronto Raptors (Imagem: Jason Miller/Al Bello/Getty Images) O Toronto Raptor...