Search
  • Informação de bandeja sobre a NBA
  • por Rodrigo Enge
Search Menu

Podcast: Sixers nos playoffs, Heat bem encaminhado, YouTube TV e mais

Podcast do Layup • Episódio 65

Podcast do Layup • Episódio 65

Q1. Clima de festa na Pennsylvania! Depois de seis temporadas e muitos vexames, o Philadelphia 76ers conseguiu voltar aos playoffs. Além disso, o calouro Markelle Fultz, nº 1 no Draft 2017, foi liberado para voltar às quadras.

Q2. O Miami Heat também está muito perto de realizar uma campanha positiva e conquistar vaga nos playoffs. Porém, a incerteza sobre as condições físicas de Hassan Whiteside preocupa, com razão, os torcedores da franquia da Flórida.

INTERVALO No quadro máquina do tempo vamos retornar ao dia 24 de março de 1969, quando Wes Unseld , pivô do Baltimore Bullets, acumulou pela segunda e última vez na história da NBA dois dos principais prêmios individuais da liga.

Q3. Pela primeira vez na história da NBA, a liga terá um patrocinador especial nas finais. O YouTube TV terá o seu logo estampado nas quadras, junto com o logo da NBA.

Q4. Zeke Upshaw, jogador do Grand Rapids Drive, time que representa do Detroit Pistons na G League, faleceu aos 26 anos de idade, dois dias depois de desmaiar em quadra numa partida contra o Long Island Nets.

Continue lendo

Trail Blazers “varre” Thunder pela primeira vez na fase regular

Paul George e C.J. McCollum, cestinha do Trail Blazers na partida, disputam a bola (Imagem: Sue Ogrocki/Getty Images)

Paul George e C.J. McCollum, cestinha do Trail Blazers na partida, disputam a bola (Imagem: Sue Ogrocki/Getty Images)

Neste domingo, o Oklahoma City Thunder teve a última oportunidade para evitar ser varrido pelo Portland Trail Blazers. Não conseguiu. Já havia perdido as três partidas anteriores e foi derrotado mais uma vez, diante de seus torcedores.

O Trail Blazers nunca havia “varrido” o Thunder na fase regular desde quando a franquia adversária transferiu sua sede de Seattle para Oklahoma City, em 2008. A última vez que isso aconteceu foi na temporada 2002-03, quando a franquia ainda se chamava SuperSonics e tinha Ray Allen, Gary Payton e Rashard Lewis no elenco.

Continue lendo

Faltando nove jogos, Rockets já tem a melhor campanha de sua história

James Harden (direita) e Trevor Ariza (centro) e os principais reforços do Houston Rockets contratados para a temporada 2017-18 (Imagem: Jonathan Bachman/Getty Images)

James Harden (direita) e Trevor Ariza (centro) e os principais reforços do Houston Rockets contratados para a temporada 2017-18 (Imagem: Jonathan Bachman/Getty Images)

A bater com facilidade o New Orleans Pelicans no Texas por 114 a 91, o Houston Rockets chegou à marca de 59 vitórias na fase regular. Com isso, superou o recorde anterior da franquia, registrado em 1993-94, quando obteve 58 vitórias na fase regular e conquistou seu primeiro título da NBA.

E, considerando-se o calendário de jogos que restam para o Rockets, é muito provável que o recorde da franquia seja ampliado para, pelo menos, 64 vitórias.

Continue lendo

Spurs vence Jazz com duelo emocionante entre Aldridge e Mitchell

LaMarcus Aldridge rumo a mais dois pontos no meio da defesa do Jazz (Imagem: Ronald Cortes/Getty Images)

LaMarcus Aldridge rumo a mais dois pontos no meio da defesa do Jazz (Imagem: Ronald Cortes/Getty Images)

Brigando palmo a palmo por uma melhor colocação na Conferência Oeste, Utah Jazz e San Antonio Spurs realizaram uma partida digna de playoffs no Texas.

Apesar de as duas franquias tradicionalmente primarem por um estilo de jogo que prioriza a marcação, ambas terminaram o tempo regulamentar com 114 pontos marcados, bem acima da pontuação média que estão registrando nesta temporada.

Isto porque tanto Jazz quanto Spurs tiveram bom aproveitamento nos arremessos de quadra e contaram, respectivamente, com a inspiração do calouro Donovan Mitchell e do veterano LaMarcus Aldridge, cestinha da partida que só foi decidida após uma prorrogação.

Continue lendo

Grizzlies paga preço do “tanking” passando vergonha inédita em Charlotte

A defesa do Grizzlies foi incapaz de segurar Kemba Walker, autor de 46 pontos (Imagem: Chuck Burton/AP)

A defesa do Grizzlies foi incapaz de segurar Kemba Walker, autor de 46 pontos (Imagem: Chuck Burton/AP)

A estratégia deliberada de colecionar resultados negativos para garantir uma boa escolha no Draft 2018 cobrou um preço caro do Memphis Grizzlies. Ao perder para o Charlotte Hornets por 140 a 79, o time do Tennessee amargou a derrota pela maior diferença de pontos na história da franquia (61).

O placar vexaminoso fez com que o Grizzlies entrasse para um seleto clube de times que foram derrotados ao menos uma vez por mais do que 60 pontos de diferença. Porém, o Grizzlies é o único que nunca foi campeão da NBA e, a julgar como a franquia está sendo conduzida, não será tão cedo.

Continue lendo

Página 30 de 247« Primeira...1020...2829303132...405060...Última »