Search
  • Layup
  • Informação de bandeja sobre a NBA
Search Menu

Tanking

No âmbito esportivo, tanking é o termo utilizado para qualificar a performance de um atleta ou de um time que decide perder deliberadamente. Na NBA, em razão das regras que regulam o processo de seleção de calouros no draft, quando uma franquia realiza uma das piores campanhas aumentam consideravelmente suas chances de ficar com uma das primeiras escolhas. Este, portanto, é o motivo pelo qual a prática do tanking é relativamente comum.



Tanking precisa ser arquitetado

Geralmente, times não entram em quadra com a intenção de perder. Isso denegriria a imagem da liga perante os torcedores e, consequentemente, prejudicaria o negócio bilionário que é a NBA. Além disso, os jogadores têm todo interesse em manter boas estatísticas no seu currículo para assinar bons contratos no futuro e conseguir ou manter patrocínios.

Entretanto, algumas equipes foram acusadas de terem perdido várias partidas propositalmente, como o Houston Rockets na reta final da temporada 1983-84. No começo de fevereiro de 1984 a franquia texana tinha 20 vitórias e 26 derrotas, mas terminou a fase regular com 29 vitórias e 53 derrotas e acabou selecionando Hakeem Olajuwon na primeira escolha do draft daquele ano.

O tanking bem executado geralmente começa já na formação do elenco que disputará o campeonato. Em um ambiente tão competitivo como o da NBA, basta reunir jogadores inexperientes e alguns veteranos tecnicamente medianos para garantir uma má campanha. Foi isso, por exemplo, o que o general manager Sam Hinkie fez no Philadelphia 76ers entre 2013 e 2016.

Sam Hinkie se tornou sinônimo de tanking graças ao emprego da estratégia durante três temporadas consecutivas no Sixers (Imagem: Jesse D. Garrabrant / Getty Images)

Sam Hinkie se tornou sinônimo de tanking graças ao emprego da estratégia durante três temporadas consecutivas no Sixers (Imagem: Jesse D. Garrabrant / Getty Images)

Em outros casos, ao notar que a equipe não chegará aos playoffs, a direção da franquia começa a negociar alguns dos seus melhores jogadores no meio da competição.

Por que tanking?

No século XIX, tank era o termo utilizado nos EUA para se referir a piscinas. Entrar na piscina (go into the tank) era um sinônimo para mergulhar, afundar. Começou a ser empregado como metáfora no âmbito esportivo em lutas de boxe e partidas de tênis quando o atleta perdia propositalmente para beneficiar apostadores (que lhe pagavam uma comissão, naturalmente).