Search
  • Informação de bandeja sobre a NBA
  • por Rodrigo Enge
Search Menu

Warriors vira e fica a uma vitória de varrer o Blazers na primeira rodada

Damian Lillard infiltra no garrafão do Warriors marcado por JaVale McGee e Stephen Curry (Imagem: Jonathan Ferrey / Getty Images)

Damian Lillard infiltra no garrafão do Warriors marcado por JaVale McGee e Stephen Curry (Imagem: Jonathan Ferrey / Getty Images)

Kevin Durant desfalcou mais uma vez o Golden State Warriors e assistiu a reação de seus companheiros de equipe no banco de reservas. Ele se recupera de uma contusão na panturrilha e está sendo poupado para confrontos mais complicados que o time californiano terá nas próximas fases dos playoffs.

Quem também não trabalhou no jogo 3 foi o técnico Steve Kerr, acometido por fortes dores que o impediam até de andar. Não se sabe ainda quando Kerr voltará a comandar o Warriors e nem o que está causando o seu problema de saúde. Seu assistente, Mike Brown, dirigiu a equipe na incrível reação que garantiu mais uma vitória sobre o Portland Trail Blazers, desta vez por 119 a 113.

Warriors a um passo das semifinais

Denver Nuggets e Portland Trail Blazers disputaram quase até o final da fase regular para ver quem se classificaria para os playoffs. Mas, mesmo antes da pós-temporada começar, muitos diziam que a briga era apenas para decidir quem seria eliminado pelo Golden State Warriors.




Depois do que aconteceu nas finais de 2016 não é possível garantir mais nada, mas é inegável que tudo conspira para o atual vice-campeão varrer o seu adversário na 1ª rodada.

Jogando pela primeira vez diante de sua torcida nesta edição dos playoffs, o Blazers vencia por 16 pontos de diferença na metade do 3º período. Mas viu o Warriors desconstruir essa vantagem em 5 minutos, literalmente.

Na batalha entre dois dos melhores backcourts da NBA, Damian Lillard (31 pts) e C.J. McCollum (32 pts) combinaram para 63 pontos, contra 58 marcados por Stephen Curry (35 pts) e Klay Thompson (24 pts).

Nurkic é o fio de esperança que resta ao Blazers

Depois de sofrer uma fratura na perna na reta final da temporada regular, o pivô Jusuf Nurkic fez sua primeira partida pelo Blazers nos playoffs. Mas por orientação do departamento médico teve seu tempo em quadra limitado a 16 minutos.

Mesmo assim, foi o jogador que mais pegou rebotes na partida (11), fez 4 assistências, 2 pontos e um bloqueio. Saiu de quadra com plus/minus +8, o mais elevado entre todos os jogadores do mandante.

É improvável que o Blazers consiga adiar a eliminação caso Nurkic não possa permanecer em quadra pelo menos por 30 minutos no jogo 4, que será realizado amanhã, com transmissão ao vivo pelo SporTV a partir das 23:30.

Golden State Warriors 3 x 0 Portland Trail Blazers
error: Se quiser utilizar este conteúdo por favor entre em contato.