Search
  • Informação de bandeja sobre a NBA
  • por Rodrigo Enge
Search Menu

Clippers derrota Jazz e provoca o único jogo 7 da primeira rodada

Chris Paul (Clippers) é marcado por Raul Neto (Jazz) • (Imagem: Andrew D. Bernstein)

Chris Paul (Clippers) é marcado por Raul Neto (Jazz) • (Imagem: Andrew D. Bernstein)

Chris Paul prometeu a Paul Pierce que o veterano não encerraria sua carreira em Salt Lake City e honrou a palavra. O armador foi o cestinha do Los Angeles Clippers na vitória sobre o Utah Jazz por 98 a 93 que assegurou a possibilidade da franquia decidir a série em seus domínios.




Série mais equilibrada dos Playoffs 2017

Não é por acaso que as duas franquias terminaram com campanhas idênticas a fase regular (51 vitórias e 31 derrotas).

Todos os jogos já disputados entre Jazz e Clippers nesta edição dos playoffs terminaram com uma diferença inferior a dez pontos no placar. Somente no jogo 2, vencido pelo Clippers, não houve nenhuma alteração na liderança.

Com um equilíbrio tão grande, era quase inevitável que a série chegasse ao jogo 7, ao contrário do que aconteceu em todos os outros sete confrontos da primeira rodada.

Clippers está contornando ausência de Griffin

Perder o principal cestinha no meio dos playoffs é uma das piores coisas que pode acontecer com qualquer equipe. É exatamente com isso que o Los Angeles Clippers está tendo que lidar desde quando foi anunciado que Blake Griffin, contundido, não disputaria mais nenhuma partida da pós-temporada.

Aos trancos e barrancos, com altos e baixos, até que o time de Doc Rivers está se saindo bem sem o ala-pivô, considerando-se, principalmente, a pressão psicológica envolvida neste jogo 6, que poderia resultar em eliminação.

E, como quase sempre acontece, o bom desempenho do Clippers passou pela atuação de Chris Paul, cestinha da partida com 29 pontos. O armador jogou e fez o time jogar, distribuindo oito assistências que resultaram em pontos de companheiros de equipe que ajudaram a suprir a ausência de Griffin.

Os titulares Luc Mbah a Moute, DeAndre Jordan e Austin Rivers marcaram 13 pontos cada, sendo que o pivô pegou 18 rebotes. Jamal Crawford e Marreese Speights saíram do banco de reservas para marcar 12 e 9 pontos, respectivamente.

Quem decepcionou mais uma vez foi J.J. Redick, autor de apenas quatro pontos (FG 1/4) em 20 minutos de quadra. O ala-armador está tendo seu pior desempenho nos playoffs desde quando chegou ao Clippers, em 2013.

Melhores momentos do Clippers

Jazz de mal com a cesta

Se não fosse pelos 16 turnovers do adversário, que acabaram rendendo 23 pontos para o Utah Jazz, o mandante certamente teria sofrido a primeira derrota na série por um placar mais elástico.

Isso porque a bola de média e longa distância do Jazz simplesmente não estava caindo. A equipe teve 41% de aproveitamento nos arremessos de quadra e 26,9% nos 3 pontos. Para piorar a situação, foi 33 vezes à linha de lance livre e desperdiçou 11 arremessos que fizeram muita falta.

Os destaques do Jazz foram Gordon Hayward (31 pts, 8 reb, 4 ast), Rudy Gobert (15 pts, 9 reb, 3 blk) e George Hill (22 pts, 5 reb, 3 ast).

Rodney Hood, que havia marcado 16 pontos na partida anterior, desta vez somou apenas quatro ao placar com míseros 20% de aproveitamento nos arremessos de quadra (FG 2/10 • 3P 0/6). Hood teve o pior índice plus/minus da partida (-21).

Pior ainda foi o desempenho de Joe Ingles, que ficou em quadra durante 32 minutos e não marcou um ponto sequer.

O jogo 7 será amanhã, às 16:30, com transmissão ao vivo pelo SporTV.

#DATAHORATVVISITANTEPTSPTSMANDANTEOT
115/423:30ESPNUtah Jazz (1)9795Los Angeles Clippers (0)--
218/423:30SporTVUtah Jazz (1)9199Los Angeles Clippers (1)--
321/423:00SporTVLos Angeles Clippers (2)111106Utah Jazz (1)--
423/422:00SporTVLos Angeles Clippers (2)98105Utah Jazz (2)--
525/423:30SporTVUtah Jazz (3)9692Los Angeles Clippers (2)--
628/423:30ESPNLos Angeles Clippers (3) 9893Utah Jazz (3)--
730/416:30SporTVUtah Jazz10491Los Angeles Clippers--

Los Angeles Clippers 3 x 3 Utah Jazz

error: Se quiser utilizar este conteúdo por favor entre em contato.